fbpx
Jair Bolsonaro no Jornal Nacional – 12/11/2018

O economista Joaquim Levy vai ser o presidente do banco nacional de desenvolvimento econômico e social – BNDS no futuro governo do Jair Bolsonaro. Ao comentar a escolha o presidente eleito afirmou que a votação da reforma da previdência deve ficar para o ano que vem.

Leia também: “Brasileiro vive, exclusivamente, de trader- Conheça mais sobre essa modalidade

Assim que Paulo Guedes deixou a residência do presidente eleito, a assessoria dele divulgou uma nota, confirmando o economista Joaquim Levy para a presidência do BNDS, banco público que financia investimentos considerados de importância estratégica para o país.




A nota diz que Joaquim Levy aceitou o convite ele tem extensa experiência em gestão pública PHD em economia pela universidade de Chicago e deixa a diretoria financeira do banco mundial, para integrar a equipe econômica do governo do presidente eleito Jair Bolsonaro. Levy foi ministro da fazenda por quase um ano, no segundo mandato da ex-presidente Dilma Rousseff. Antes foi secretário do tesouro no governo do ex-presidente Lula e secretário da fazenda no Rio de Janeiro, no primeiro mandato do ex governador Sérgio Cabral.

A tarde, Bolsonaro foi até uma agência bancária. Na volta comentou a escolha de Joaquim Levy . “A equipe está sendo formada pelo Paulo Guedes. Ele que está bancando o nome Joaquim Levy. Ele tem um passado com a Dilma, sim, teve dez meses, seu passado no governo Cabral, mas nada tem contra a sua conduta profissional, assim sendo, eu endosso Paulo Guedes tá certo” , disse o futuro presidente Jair Bolsonaro.

Como já tinha anunciado durante a campanha, o presidente eleito voltou a dizer que quer mais transparência nas operações do banco.




Jair Bolsonaro também falou sobre a reforma da previdência e disse que não está preocupado apenas com os números.

O presidente eleito também falou do cancelamento das audiências que teria amanhã em Brasília, com os presidentes da câmara dos deputados e do senado.

O presidente afirmou que estuda o nome do deputado Luiz Henrique Mandetta do DEM, para a pasta da saúde.

Jair Bolsonaro no Jornal Nacional – 12/11/2018
5 (100%) 1 vote

Facebook Comments